segunda-feira, 31 de agosto de 2015

PRIMAVERA, lá vem ela!



Estações também marcam a nossa peregrinação, elas são a lembrança para um fim que chamaremos COMEÇO, onde tudo será claro e palpável.
Esse SETEMBRO vem com novo sabor, novas expectativas, uma liberdade que me impulsiona para os braços do ABA, sem medos, receios ou impasses.
Minha primavera está vindo...
Meu íntimo estremece ao recordar o JUBILEU, ahhh Jerusalém, se eu me esquecer de ti...
Um novo livro, novos rostos, coração amadurecido no legado do sofrer.
Liberdade!
Corro para o colo do meu ABA, ouço-O perguntar: Que desejas?
A resposta mudará o rumo, o traço, o destino!






Nenhum comentário:

Postar um comentário